• Êxito
  • Êxito
  • Exito
  • Êxito

©2019 - Psicologia e Educação Êxito

Buscar
  • Thais Oliveira Terto

BULLYING – A ameaça atual

Atualizado: 16 de Ago de 2019

Bullying é um termo advindo da língua inglesa significando valentia, referindo-se a qualquer atitude agressiva, podendo ser verbal, física ou psicológica, intencional ou repetitiva, que transcorrem de motivo visível. Este processo poder ser praticado individualmente ou em grupo ocasionando angústias para aqueles que não possuem habilidade ou capacidade de se defender, sendo ocorrida numa relação desigual.


Os bullies, praticantes de bullying, adotam algumas estratégias para que possam impor sua autoridade e assim manterem suas vítimas sob total domínio, o abuso de poder, a intimidação e a prepotência são algumas dessas estratégias usadas por eles.


Essas práticas não são necessariamente encontradas apenas em escolas, mas em todos os segmentos da sociedade. Esses bullies podem ser juvenis, bem como também na forma adulta. Na configuração familiar eles podem ser encontrados na forma de pais, cônjuges ou irmãos, entre outros. No ambiente profissional são encontrados na forma de chefes ou colegas, normalmente são manipuladores e perversos sacudindo e podendo destruir a saúde física e mental desses alvos.


O Bullying pode acontecer de forma direta ou indireta, esta segunda sendo a mais comum. Dificilmente a vítima recebe apenas um tipo de agressão, normalmente esses comportamentos advindos dos bullies, costumam vir em agrupamento. Tais atitudes perversas contribuem não somente para a exclusão social da vítima, como também para muitos casos de evasão escolar e pode se expressar das mais variadas formas, como as listadas a seguir:


Bullying Verbal:

- insultar

- ofender

- xingar

- fazer gozações

- colocar apelidos pejorativos

- fazer piadas ofensivas

- zoar


Bullying Físico e material:

- bater

- chutar

- espancar

- empurrar

- ferir

- beliscar

- roubar, furtar ou destruir os pertences da vítima

- atirar objetos contra a vítima


Bullying Psicológico e moral:

- irritar

- humilhar e ridicularizar

- excluir

- isolar

- ignorar, desprezar ou fazer pouco caso

- discriminar

- aterrorizar e ameaçar

- chantagear e intimidar

- tiranizar

- dominar

- perseguir

- difamar

- negligenciar

- passar bilhetes e desenhos de caráter ofensivo entre os colegas

- fazer intrigas, fofocas ou mexericos


Bullying Sexual:

- abusar

- violentar

- assediar

- insinuar


Bullying Virtual:

- Cyberbullying


Bullying Social

- Isolamento social


Aquele indivíduo que sofre o bullying passa por alguns processos como choro constante, raiva, tristeza, podendo manifestar sentimentos de medo, insegurança e angústias. Quando praticado na escola as consequências são os sintomas de desinteresse pela escola e ambiente, diminuição do desempenho escolar, isolamento, pânico, ansiedade, distúrbios alimentares, consumo de álcool excessivo, bem como consumo de drogas, podendo alcançar problemas de médio a longo prazo, como dificuldade no relacionamento, estresse, dificuldade na tomada de decisões, depressão, entre outros, e em alguns casos podendo chegar até mesmo ao suicídio.



Desta forma também podemos citar algumas formas para que haja o combate contra esse mal. A principal medida a ser tomada é a conscientização. Nas escolas as principais medidas são:


- Dar visibilidade para a diversidade humana em toda sua complexidade, tal como: gênero, orientação sexual, questões étnicas, etc ...

- Promover palestras conscientizando sobre o bullying e suas consequências;

- Promover debates para que haja uma melhor absorção;

- Utilizar jogos e atividades lúdicas que estimulem a cooperação;

- Aproximar professores e demais colaboradores dos alunos para que o canal de comunicação seja reforçado e as situações identificadas com mais facilidade;

- Entre outros.


A situação se repete em todos os contextos de nossa sociedade e nas organizações, com uma maior divulgação destas consequências.


Se precisar de ajuda, procure sempre um profissional.


Thais Oliveira Terto

Psicóloga - CRP: 06/152354


#Psicologia #Saúde #SaúdeMental #Êxito #ÊxitoPsicologia #Terapia #Permita-se #Amor #Consultório #Confiança #TerapiaPraTodoMundo #Vivabem #Bemestar #Façaterapia #TodosPelaProteção #Bullying #Ameaça #Virtual #TiposDeBullying


https://www.exitopsicologia.com.br

exito.psic.educ@gmail.com


https://www.facebook.com/ExitoPsicEduc

https://www.instagram.com/exitopsiceduc

https://g.page/PsicologiaExito

https://twitter.com/exitopsiceduc


(11) 93026-1982 / (11) 99475-6546

26 visualizações